Aspectos socioeconômicos e etnoecológicos da Pesca Esportiva praticada na Vila Barra do Una, Peruíbe/SP

Larissa Florêncio da Silva, Tiago Ribeiro de Souza de Souza, Renata Molitzas, Walter Barrella, Milena Ramires

Abstract


A pesca esportiva é uma atividade com grande importância socioeconômica e hoje, uma das atividades de esporte e lazer mais praticadas no Brasil. No entanto, é pouco conhecida e estudada, ou seja, são escassas as informações capazes de orientar políticas públicas para o setor pesqueiro. Este trabalho teve como objetivo caracterizar a pesca esportiva praticada na Reserva de Desenvolvimento Sustentável da Barra do Una, Peruíbe/ SP, em relação ao perfil e a situação socioeconômica dos praticantes, o conhecimento sobre métodos, apetrechos de pesca, espécies exploradas, bem como, avaliar o conhecimento dos praticantes sobre a legislação vigente para a pesca esportiva. Foram entrevistados 88 pescadores esportivos sendo que 88,6% são do sexo masculino e com idade média de 41,7 anos. O tempo de cada pescaria varia de 1 a 12 horas e os principais serviços contratados são alimentação, hospedagem, fornecimento de iscas e guias de pesca. O principal método de pesca é o caniço com molinete ou carretilha e a principal isca, o camarão, adquirido na própria comunidade. A principal espécie procurada pelos pescadores esportivos é o robalo (Centropomus spp) e os pescadores entrevistados demonstraram conhecimento associado a esta espécie, como por exemplo, a época e local de maior captura, as melhores fases da lua e as técnicas utilizadas para captura destas espécies. Sobre a legislação pesqueira, 76,1% dos entrevistados não conhecem a cota de captura estabelecida para os peixes costeiros, 64,8% desconhecem os tamanhos mínimos permitidos para a captura das principais espécies alvo da pesca esportiva, 55,7% desconhecem as espécies proibidas para captura e 73,9% dos entrevistados também não tem conhecimento sobre os períodos de defeso estabelecidos. Assim, os resultados desta pesquisa permitem concluir que a pesca esportiva é uma das características do turismo da região, o que definitivamente representa uma atividade importante para a comunidade caiçara da Vila Barra do Una. Estudos que caracterizam o pescador e a atividade da pesca são ferramentas fundamentais para elaboração de planos de manejo dos recursos pesqueiros, principalmente em locais onde são escassas as informações sobre a pesca esportiva, como é o caso do litoral sul de São Paulo. São necessárias políticas públicas para melhoria da infraestrutura e conservação dos ecossistemas, assim como ações educacionais que orientem e estimulem moradores e turistas a conservarem o local e os recursos explorados.

 

Palavras chave: RDS Barra do Una, uso de recursos pesqueiros, etnoecologia.

Full Text: PDF

Refbacks

  • There are currently no refbacks.