(Brasil) Teoria e Modelos em Macroecologia

José Alexandre Felizola Diniz Filho

Abstract


Palestrante: Prof. Dr. José Alexandre Felizola Diniz Filho

Instituição: Universidade Federal de Goiás, Goiânia, Brasil.

Resumo da palestra: O programa de pesquisa em macroecologia se iniciou no início dos anos 90 a partir de uma proposta de integração entre diferentes abordagens em Ecologia, Evolução, Biogeografia e Fisiologia, com o objetivo de entender padrões gerais de biodiversidade em grandes escalas de tempo e espaço. Gradualmente esse programa de pesquisa se dividiu em duas vertentes principais, no qual a macroecologia teria como objetivo avaliar empiricamente padrões em grandes escalas ou buscar princípios e leis fundamentais que pudessem integrar o conhecimento em biodiversidade. Essa divisão de objetivos gera práticas científicas diferentes, que podem ser melhor entendidas e estruturadas em torno de visões alternativas sobre a maneira como as teorias científicas são construídas e qual a sua relação com diferentes tipos de modelos matemáticos, estatísticos e computacionais que são rotineiramente utilizados na área. Esses diversos tópicos serão discutidos principalmente considerando teorias, modelos e dados em macroecologia, utilizando como exemplo a Teoria Metabólica de Brown e a teoria Neutra de Hubbell. Essas abordagens teóricas, em sua aplicação à compreensão dos gradientes latitudinais de diversidade, podem ser comparadas conceitualmente a abordagens de modelagem estatística e simulação computacional.


Full Text: PDF

Refbacks

  • There are currently no refbacks.