Pellets plásticos nas praias de Santos durante o inverno de 2018 e 2019

Victor Vasques Ribeiro

Abstract


Pellets são grânulos utilizados como matéria-prima para produzir materiais plásticos. Em falhas em atividades de produção, transformação, transporte, armazenamento, esses grânulos podem ser perdidos aos ambientes marinhos, podendo adsorver poluentes e impactar a biota. Em praias arenosas, o pellet é depositado na linha de deixa, podendo então ser estocados nas porções secas dos sedimentos ou transportados novamente pela maré a outras praias. O presente estudo realizou amostragem de pellets nas sete praias de Santos no inverno de 2018 para verificar diferenças significativas na deposição de pellets recentes entre as praias. No inverno de 2019 foi verificado se essas praias atuam como “distribuidoras” ou “estocadoras” de pellets. A limpeza periódica das praias pode ter subestimado os valores obtidos. Em 2018, as praias do centro do arco praial receberam maiores quantidades de pellets, assim como a Ponta da praia, porém, não houve diferenças significativas entre as praias. Em 2019, as praias do centro do arco praial receberam as maiores quantidades de pellets e atuaram significativamente como “distribuidoras” de pellets. Apenas as praias da José Menino e Aparecida foram consideradas “estocadoras” de pellets.

Full Text: PDF

Refbacks

  • There are currently no refbacks.