Monitoramento de longo termo do gavião-asa-de-telha (Parabuteo unicinctus) no bairro da Alemoa em Santos, SP: efeitos da instalação de um empreendimento portuário sobre sua ocorrência local

Fabio Monteiro Barros, Carolina Toledo Andreu, Daniele Cambeses Pareschi, Elisabete Ramos, Gilberto Peres, Mariana Beraldo Masutti

Abstract


O monitoramento de fauna é uma etapa do processo de licenciamento ambiental exigido por órgãos ambientais federais ou estaduais para empreendimentos que promovem drásticas alterações nos ambientes naturais onde se instalam e operam. Dados e resultados de monitoramentos de longo prazo são, no entanto, pouco conhecidos e/ou divulgados para os diferentes setores da sociedade civil. Neste estudo são descritos, avaliados e discutidos os possíveis efeitos da alteração de habitat em virtude da instalação e operação de um empreendimento portuário localizado no município de Santos (SP) sobre a ocorrência local de indivíduos do gavião-asa-de-telha (Parabuteo unicinctus). Ao longo de 107 campanhas mensais realizadas entre 2011 e 2019, foi possível observar uma redução gradual no uso das áreas de influência do empreendimento pelos gaviões entre 2011 e 2016. Após esse período (2017 a 2019), observou-se um aumento gradual na ocorrência da espécie que no final de 2019 alcançou níveis de ocupação semelhantes ao observados no início do monitoramento. Este ressurgimento de ocorrências foi, no entanto, restrito aos locais mais afastados nas áreas diretamente afetadas pelo empreendimento. Tais resultados indicam (1) clara evidencia de efeitos do empreendimento sobre a ocorrência local da espécie e (2) a capacidade de resiliência da espécie que voltou a utilizar áreas próximas do empreendimento após a drástica alteração de seu habitat de ocorrência local. Por apresentar a resposta de longo prazo de uma espécie de gavião quase ameaçado diante da instalação e operação de empreendimento de grande porte, este estudo é particularmente importante para manejo e conservação de fauna ameaçada no âmbito do licenciamento ambiental.


Full Text: PDF

Refbacks

  • There are currently no refbacks.