Assessing the correlation suggested by the ASTM D6951 for estimating the California Bearing Ratio using the Dynamic Cone Penetrometer in tropical soils

Caio Vinícius Schlögel, Jair de Jesus Arrieta Baldovino, Ronaldo Luis dos Santos Izzo

Abstract


Resumo: Este artigo tem como objetivo comparar os resultados de Índice de Suporte Califórnia (ISC) obtidos por meio do ensaio laboratorial de com NBR 9895/16 e, pela correlação presente na norma americana ASTM D6951/2003, a qual estima valores de ISC em função dos resultados penetração por golpe (DN) do ensaio dynamic cone penetrometer (DCP). Os ensaios foram realizados sobre a plataforma de uma ferrovia próxima a cidade de Itu, localizada no estado de São Paulo, região sudeste do Brasil. Os resultados mostram que a replicabilidade do ensaio DCP torna-o uma ferramenta muito útil para o controle de qualidade de compactação de qualquer camada inferior ao lastro ferroviário, além de poder se tornar uma ferramenta muito importante na avaliação qualitativa destas camadas através da análise do ângulo de inclinação da reta DN, estimativa de valores de CBR e módulo de resiliência. Entretanto, reforça-se a necessidade do estudo e elaboração de curvas de correlação regionais para obtenção destes resultados, haja visto que a normativa americana ASTM D6951/2003 foi desenvolvida para solos com geomorfologias diferentes aos solos estudados no presente estudo, levando a resultados errôneos para solos tropicais.

Palavras chave: Ensaios de solo, ASTM D6951, Índice de Suporte Califórnia, ensaio DCP.

 

Abstract: The main objective of this article is to compare the results obtained for California Bearings Ratio (CBR) through laboratory experiments based on the standard NBR 9895/16 and the correlation shown in the American Standard ASTM D6951/2003, which estimates the CBR values in function of the penetration by blow (DN) using the dynamic cone penetrometer (DCP). The experiments were done on a subgrade of railtrack localized in the city of Itu, state of São Paulo, southeast of Brazil. The results showed that the repeatability of the DCP makes the tool very useful for compaction quality control of soil layers based on the inclination of the DN function, estimating CBR values and resilient modulus. Nonetheless, it is important to point it out that local correlations need to be studied and made, since the equations presented by the ASTM D6951/2003 were developed for soils of different geomorphologies studied in this article, thus driving to erroneous results for tropical soils.

 

Keywords: Soil tests, ASTM D6951, California Support Index, DCP test.


Full Text: PDF

Refbacks

  • There are currently no refbacks.